Postagens

Mostrando postagens de Março, 2012

Saturno, Quatro Luas e Uma Tempestade Calma

Imagem
Créditos:NASA/JPL-Caltech/Space Science Institute A sonda Cassini examina o hemisfério norte do planeta Saturno que vem sendo devastado por uma imensa tempestade desde o final do ano de 2010. Mas que nessa imagem aparece um pouco mais calma, quase que desaparecendo. Nessa bela imagem acima além do gigantesco Saturno, quatro luas do planeta se juntam na cena. Duas delas, Janus e Epimeteu, estão quase invisíveis nessa imagem devido ao seu pequeno tamanho. Mimas, com 396 quilômetros de diâmetro aparece como um ponto brilhante abaixo dos anéis um pouco à direita do centro da imagem. Encélado, com 504 quilômetros de diâmetro, é visível abaixo dos anéis na parte mais a direita da imagem. Janus, com 179 quilômetros de diâmetro pode ser discernido por muito pouco como um minúsculo ponto depois de Encélado na parte direita da imagem. Epimeteu, com 113 quilômetros de diâmetro é também muito pequeno e pode ser detectado na parte esquerda extrema da imagem acima dos anéis. Essa imagem foi feita c…

Grand Cânion Iluminado Pela Luz da Lua

Imagem
Créditos e direitos autorais : Malcolm Park (North York Astronomical Association) Nessa bela paisagem celeste noturna, registrada em 26 de Março de 2012, pode-se ver uma jovem Lua Crescente parada acima do distante horizonte oeste em conjunção com o brilhante planeta Vênus. Em primeiro plano, o Rio Colorado brilha à luz da Lua enquanto corta o Grand Cânion, visto desde o anel sul do cânion no chamado Ponto Lipan. O Grand Cânion é conhecido como uma das maravilhas naturais da Terra, escavado pelo Rio Colorado, a enorme fissura tem cerca de 440 quilômetros de comprimento, mais de 30 quilômetros de largura e chega a 1.6 quilômetros de profundidade. Além da Lua e de Vênus, na imagem acima é possível ver o compacto aglomerado das Plêiades, as estrelas do aglomerado das Híades, em forma de V, os dois localizados logo acima da Lua. O brilhante planeta Júpiter pode também ser visto na imagem abaixo do par Lua/Vênus, perto do horizonte oeste. Fonte: http://apod.nasa.gov/apod/ap120330.html

Segredos de Mercúrio

Imagem
Mapas mostram crateras geladas no planeta mais próximo do Sol
Mercúrio é um mundo de extremos. Durante o dia, a temperatura no planeta mais próximo do Sol chega a 400º C nos arredores do equador – calor suficiente para derreter chumbo. À noite, a temperatura na superfície do planeta cai para menos de – 150º C. Alguns lugares de Mercúrio, porém, são um pouco mais estáveis. Dentro das crateras polares do diminuto planeta existem regiões que nunca viram a luz do dia, protegidas pelas sombras das bordas de suas crateras. A temperatura por lá permanece baixa durante todo o ano.  Agora, novos dados da sonda Messenger, da Nasa, apresentados na Conferência Científica Lunar e Planetária anual, corroboram a velha hipótese de que Mercúrio esconde bolsões de gelo em suas sombrias crateras, apesar da proximidade do Sol. 
Começando com uma série de observações de radar de Mercúrio há duas décadas e usando alguns dos maiores radares da Terra, os cientistas tiveram boas razões para suspeitar que as cr…

Conheça o asteroide gigante que se parece com um planeta

Imagem
Ele tem um enorme diâmetro de 530 quilômetros (cerca de um quarto da lua), uma superfície dominada por crateras e uma série de características rochosas que lembram a Terra. Por estes motivos, astrônomos ainda se perguntam se devem mesmo classificar o asteroide Vesta (segundo maior asterioide conhecido) neste grupo de corpos espaciais. Descoberto em 1807, o asteroide Vesta só passou a ser estudado mais aprofundadamente duzentos anos depois, quando a NASA lançou ao espaço a sonda Dawn. Em julho do ano passado, o veículo entrou na órbita do Vesta, e ficará por um ano fazendo a exploração do asteroide. Os astrônomos têm razões para acreditar que o Vesta pode estar em uma “fase de transição” para se tornar um protoplaneta (um planeta ainda em fase de formação, geologicamente falando). A composição superficial do asteroide, conforme apuraram os cientistas, está em fase de mudanças. Um dos critérios adotados para esta asserção é a topografia. Em planetas como a Terra, a topografia representa…

Todos a bordo: Expresso Buraco de Minhoca vai partir

Imagem
Imaginando que o espaço é um plano bidimensional curvado, buracos de minhoca como este seriam formados por duas massas que aplicam força suficiente no espaço-tempo para criar um túnel que conecta pontos distantes do univers
Matéria com energia negativa - Todos a bordo do Expresso Buraco de Minhoca, rumo à primeira viagem realmente espacial da espécie humana. Calma, não precisa correr, porque as passagens ainda não estão à venda. A novidade é que parece que não é tão difícil quanto se imaginava construir esses túneis que unem localidades diferentes do espaçotempo - ou abrir portas para outros universos. Estima-se que quem entrar em um buraco de minhoca poderá reaparecer instantaneamente perto de Plutão, ou na galáxia de Andrômeda, ou em qualquer outro lugar do Universo, ou mesmo em outro universo - sem a chatice da viagem. Por enquanto, os buracos de minhoca estão apenas nos livros de teoria: ninguém nunca detectou um e nem tampouco existe um projeto para construir um deles. E não é por…

6 Sistemas Planetários Esquisitos Que Você Precisa Conhecer

Imagem
O Sistema Solar pode ser considerado fenômeno raro no Universo, mas as esquisitices não param por aí. O Universo é repleto de elementos e esquisitices que ainda precisam ser muito estudados para que o ser humano possa compreendê-los, mesmo que parcialmente. Porém, às vezes entender esses fenômenos faz com que eles se tornem ainda mais peculiares. Dois sóis, uma estrela orbitando outra e planetas anões vermelhos são apenas alguns exemplos do que o espaço pode abrigar. E se você acha que o Sistema Solar é algo comum, saiba que ele também entra em uma das excentricidades da imensidão que está à nossa volta. Conheça agora alguns desses fenômenos espetaculares que intrigam e maravilham profissionais ou amadores da Astronomia. Os fenômenos abaixo estão listados de forma totalmente aleatória, sem qualquer preferência de estilo ou esquisitice.
Quatro estrelas e poeira
O HD 98800 é um sistema estelar que abriga quatro estrelas anãs laranjas (também conhecidas como T Tauri). Os quatro astros forma…

Rastros de Foguete na Via Láctea

Imagem
Créditos e direitos autorais : Jerry Lodriguss (Catching the Light) Em 27 de Março, cinco foguetes de sondagem saltaram para os céus vespertinos no Wallops Flight Facility da NASA, na Virgínia. Partindo do Anomalous Transport Rocket EXperiment (ATREX), iniciando às 4:58h EDT (5:58h BRT), os foguetes foram lançados consecutivamente em intervalos de 80 segundos. Liberando um traçador químico, eles criaram nuvens brancas luminosas na ionosfera da Terra a altitudes de 60 a 65 milhas (aprox. 96 a 105 km), arrastado pela pobremente entendida corrente de jato de grande altitude. (Não é a mesma corrente de jato que as linhas aéreas voam a altitudes de 8 a 10 km.) Vistas ao longo da região do Meio-Atlântico dos Estados Unidos, as nuvens ficaram à deriva através de céus estrelados, capturadas nesta límpida fotografia em East Point, Nova Jersey. Olhando para o Sul na direção do local de lançamento, o tentador fundo celestial inclui estrelas de Sagitário, Escorpião, e as nuvens brancas, mais perm…

Foto reúne bilhões de estrelas da Via Láctea

Imagem
Imagem é composta de pequenos pedaços da galáxia capturados por telescópios britânicos Espaços pretos são dados ainda não processados. Imagem: BBC/Reprodução
Astrônomos montaram uma imagem gigantesca da Via Láctea revelando detalhes das bilhões de estrelas que compõem a galáxia. A foto é composta de milhares de pequenos registros feitos por dois telescópios britânicos que operam em observatórios no Havaí e no Chile. Os arquivos do projeto, conhecido como Vista Data Flow System, serão analisados e podem dar início a novas descobertas no espaço próximo à Terra. "Há cerca de um bilhão de estrelas ali, e isso é mais que já foi registrado em qualquer outra imagem.

Me ocupei horas com ela, é incrível", disse Nick Cross, da Universidade de Edimburgo, que apresentou a imagem na Conferência Nacional de Astronomia da Grã-Bretanha. A imagem se concentra no plano denso da galáxia, o que significa que ela gera uma longa faixa. Cross e seus colegas produziram uma ferramenta online que permi…

Sonda espacial acha condições favoráveis para a vida em lua de Saturno

Imagem
Sonda Cassini, da Nasa, descobriu água gelada e componentes orgânicos no polo sul da lua Encélado Imagem da sonda Cassini mostra a lua Encélado, de Saturno, a uma distância de 232.197 kms A sondaespacial Cassini registrou jatos de água gelada em vários voos próximos à superfície de uma lua de Saturno, Encélado, que poderiam indicar um habitat propício para a existência de vida, informou a Nasa na quarta-feira (27).  "Mais de 90 gêiser de todos os tamanhos estão emitindo vapor de água, partículas de gelo, e componentes orgânicos na superfície do Polo Sul de Encélado", disse Carolyn Porco, chefe da equipe de Imagens Científicas da missão. Estes gêiser, que surgem através de fendas na superfície gelada da sexta lua de Saturno, poderiam revelar a existência de um vasto mar subterrâneo. "Cassini voou várias vezes através destas partículas e as analisou. Além de água e material orgânico, encontramos sal nas partículas de gelo. A salinidade é a mesma que a existente nos oceanos …

Imagem da Sonda Soviética Luna 23 no Solo Lunar

Imagem
Créditos da Imagem: LRO Featured Image (NASA/GSFC/Arizona State University) O programa soviético de recolhimento e retorno para a Terra de amostras lunares foi uma tentativa corajosa de bater os americanos. Ele falhou em metade das tentativas, mas teve 3 missões de sucesso, a Luna 16, a Luna 20 e a Luna 24, talvez eles devessem ter denominado todas as suas missões com os mesmos números. A equipe da sonda LRO conseguiu com sucesso adquirir imagens em alta resolução que mostram em detalhes os locais onde o pouso foi conseguido com sucesso, fornecendo assim preciosas imagens do contexto geral da região que podem ser usadas para reavaliar a geologia do local onde as amostras foram recolhidas. Uma das imagens mais interessantes recuperadas é da Luna 23 que atingiu a Lua mas não coletou nenhuma amostra e nem decolou de volta para a Terra. E agora nós sabemos porque, ela não se separou de maneira adequada. Tudo que se sabia antes das imagens da LRO era que a Luna 23 tinha enfrentado um mal fu…

Sol: aquele que era um rei vai virar uma nebulosa

Imagem
Nossos ancestrais descobriram que suas vidas dependiam do Sol e o tomaram como referência para suas crenças e desejos. Foi assim personificado por muitas mitologias: Egípcios e Maias - o Deus Sol; Helios para os gregos, Sol para os romanos. Hoje sabemos que o Sol é uma estrela ordinária e que como ela existem mais de 100 bilhões só em nossa galáxia. Seu diâmetro é de cerca de 1,4 milhão de quilômetros, sua massa aproximadamente o valor do número dois 2 seguido de 30 zeros em quilogramas (uma massa enooorme!) e sua temperatura varia de cerca de 5,8 mil graus centígrados na superfície a cerca de 15,6 milhões de graus centígrados no núcleo. A massa do Sol representa mais de noventa e oito por cento da massa total do Sistema Solar sendo que o planeta Júpiter contém a maior parte da massa restante. O Sol se compõe, presentemente, de 92,1% de Hidrogênio e 7,8% de Hélio, por número de átomos, sendo a taxa de 0.1% creditada aos demais "metais". Esses valores mudam lentamente à medid…

Novos estudos desafiam teoria atual de formação da Lua

Imagem
Artes: suposto impacto do planeta Theia contra a Terra pode ter formado a Lua há 4.5 bilhões de anos.Apolo11.com.

A teoria vigente diz que nosso satélite se formou após o impacto de um grande objeto contra a Terra, mas uma descoberta recente mostra que existe muito mais material terrestre na Lua do que os estudos mostravam, colocando em xeque a teoria do choque cataclísmico. A corrente de pensamento atual sugere que a Lua foi criada depois que um objeto do tamanho de Marte, chamado Theia, colidiu contra o nosso planeta há 4,5 bilhões de anos e que mais de 40 por cento da Lua é constituída por restos desse corpo impactante. Os pesquisadores esperavam que este objeto fosse quimicamente diferente da Terra, mas os estudos anteriores mostravam que a Lua e a Terra eram muito mais parecidas do que deviam quando estudados a partir dos isótopos de alguns elementos e isso contrariava o modelo do impacto de Theia, atualmente aceito.

 Para comparar ainda mais a Lua e a Terra, pesquisadores da Unive…

Eta Carinae: Uma Supernova Próxima

Imagem
Créditos de Imagem: ESA/NASA O Telescópio Espacial Hubble da NASA registrou uma imagem da Eta Carinae. Essa imagem é constituída de dados obtidos na luz visível e na luz ultravioleta pelo Canal de Alta Resolução da Câmera Avançada de Pesquisa do Hubble. O campo de visão dessa imagem é de aproximadamente 30 arcos de segundo de diâmetro. A maior das duas estrelas no sistema da Eta Carinae é uma estrela grande e instável que está perto do final da sua vida, e o evento que os astrônomos do século 19 observaram foi uma experiência de quase morte da estrela. Os cientistas chamam essas explosões de eventos impostores de supernovas, pois eles parecem com uma explosão de supernova, mas param pouco antes de destruir totalmente a estrela.

Embora os astrônomos do século 19 não tivessem telescópios poderosos o suficiente para ver a explosão ocorrida em 1843 em detalhe, seus efeitos podem ser estudados atualmente. As imensas nuvens de matéria expelidas há um século e meio atrás, conhecida como Nebul…

Explosão de laser mostra como magnetismo surgiu no Universo

Imagem
A explosão revelou a formação de campos magnéticos e correntes elétricas ao redor da onda de choque - o fenômeno ocorreu em uma janela de 1 microssegundo após o disparo. [Imagem: Oxford University]
Origem do magnetismo

Há campos magnéticos por todo o espaço galáctico e intergaláctico. O que é intrigante é imaginar como é que eles foram criados originalmente, e como se tornaram tão fortes. Agora, uma equipe internacional de cientistas usou um laser para criar campos magnéticos semelhantes àqueles que se imagina serem necessários para a formação das primeiras galáxias, na infância do Universo. Os resultados são um primeiro elemento importante na tentativa de solucionar o enigma de como o Universo gerou seu próprio magnetismo. "Nosso experimento recriou o que estava acontecendo no início do Universo e mostrou como os campos magnéticos galácticos apareceram," afirmou o Dr. Gianluca Gregori, da Universidade de Oxford, no Reino Unido.  "Isso abre a perspectiva emocionante de se…

Luz Cinérea e Vênus Sobre Sierra de Guadarrama

Imagem
Créditos de Imagem:Daniel Fernández (DANIKXT) O que aparece logo acima da silhueta da cadeia de montanha vista na imagem acima? A Lua. Especificamente, a Lua da Terra foi registrada um pouco acima do horizonte na sua fase crescente bem jovem. A Lua que é nos é familiar pode nessa foto parecer um pouco estranha, isso se deve ao fato da exposição dada na foto mostrar de forma significante o brilho da Terra, ou seja, a iluminação da parte noturna da Lua devido à luz do Sol refletida pela Terra. À direita e bem brilhante podemos ver também o planeta Vênus. Vênus e Júpiter passaram bem próximos um do outro durante o final do mês de Fevereiro e o mês de Março, numa bela conjunção planetária. Essa semana, mas especificamente no dia 26 de Março de 2012, eles receberam a companhia bem próxima também da jovem Lua crescente. A imagem acima, em particular foi feita em Madrid na Espanha. A silhueta do horizonte em segundo em plano inclui alguns dos Sete Picos da cadeia de montanhas Serra de Guadar…

Via Láctea tem bilhões de planetas teoricamente habitáveis, diz estudo

Imagem
'Superterras' lembram a Terra em composição, tamanho e temperatura. Estimativa foi feita pelo Observatório Europeu do Sul. Esta concepção artística retrata o entardecer visto da super-Terra Gliese 667 Cc. A estrela mais brilhante no céu é a anã vermelha Gliese 667 Cc, que é parte de um sistema triplo de estrelas. As outras duas estrelas mais distantes, Gliese 667 A e B, aparecem no céu à direita. Astrônomos estimaram que existem dezenas de bilhões de planetas rochosos orbitando anãs vermelhas de baixa luminosidade somente na Via Láctea.
Um novo resultado do instrumento HARPS, o descobridor de planetas do ESO, mostra que os planetas rochosos não muito maiores que a Terra são bastante comuns nas zonas habitáveis em torno das estrelas vermelhas de baixa luminosidade. Uma equipe internacional de astrônomos estimou que existem dezenas de bilhões de tais planetas só na nossa galáxia, a Via Láctea, e provavelmente cerca de uma centena na vizinhança imediata do Sol. Esta é a primeira me…

Limite Cósmico

Imagem
Medição independente mostra que neutrinos não excedem a velocidade da luz Albert Einstein ainda pode estar certo. Tentativa de repetir experiência que mostrou uma partícula subatômica se movendo mais rápido que a velocidade da luz sugere que resultado anterior pode estar errado e que a famosa teoria especial da relatividade permanece intacta. Um grupo de físicos, em sua maioria europeus, que trabalham no experimento chamado Icarus anunciou o rastreamento de neutrinos viajando do Cern, laboratório de física de partículas nos arredores de Genebra, até o Laboratório Nacional de Gran Sasso, em uma montanha italiana. Trata-se da mesma travessia subterrânea internacional que os neutrinos fazem no experimento Opera.

Porém, diferente do Opera, que no ano passado relatou que os neutrinos chegaram à Itália 60 nanossegundos mais rápido que se viajassem no, supostamente insuperável, limite cósmico de velocidade, o Icarus descobriu que os neutrinos fizeram a viagem a uma velocidade indistinguível da…

Sonda espacial vai captar água de lua de Saturno

Imagem
Cassini passará a 74 km da Enceladus, um dos principais focos na pesquisa sobre vida fora da Terra Imagens mostram detalhes das fissuras e dos jatos expelidos pela lua de Saturno.Reprodução/BBC A sonda espacial Cassini fará uma passagem e menos de cem quilômetros de altitude do pólo sul da Enceladus, uma lua de Saturno que aparentemente abriga um oceano. O voo, que será feito a uma altitude de 74 quilômetros, permitirá a sonda a captar alguns dos jatos de gelo e vapor d'água expelidos pelo satélite.  Pesquisadores reuniram diversas evidências de que esses jatos são alimentados por um oceano de água líquida, que está coberto pela crosta congelada da lua. O sobrevoo deve ocorrer por volta das 18h30 (horário de Brasília) desta terça-feira, 27.

Os cientistas usarão o espectômetro de íons e massa natural da Cassini para analisar a composição aquosa, sua densidade e a variabilidade dos elementos da Enceladus. Antes, foram detectados sais nesses jatos, o que sugerem que a camada submersa d…

Messenger Fornece Novos Dados Sobre Mercúrio

Imagem
Impressão de artista da sonda MESSENGER em órbita de Mercúrio.Crédito: NASA/JHU/APL
Desde que entrou em órbita de Mercúrio há pouco mais de um ano atrás, a sonda MESSENGER da NASA capturou quase 100.000 imagens e enviou dados que revelaram novas informações acerca do planeta, incluindo a sua topografia, a estrutura do seu núcleo e áreas de sombra permanente nos pólos que contêm depósitos misteriosos. Os achados mais recentes foram anunciados em dois artigos científicos publicados na revista online Science Express, e em 57 artigos apresentados a semana passada na 43.ª Conferência de Ciência Lunar e Planetária no estado americano do Texas.

Um núcleo surpreendente - Os instrumentos de rádio da MESSENGER permitiram à equipe científica desenvolver o primeiro modelo preciso do campo gravítico de Mercúrio que, quando combinado com dados topográficos e com o estado da rotação do planeta, fornecem dados acerca da estrutura interna do planeta, a espessura da sua crosta, o tamanho e o estado do se…

Telescópio Gigante Magalhães deve ficar pronto em 2020

Imagem
Nesta última sexta, iniciaram os trabalhos de preparação do terreno onde o GMT será instalado, nas montanhas chilenas; aparelho terá área de luz 4,54 vezes maior à de qualquer outro Representação do telescópio GMT, que será um dos mais potentes do mundo Com a detonação de uma carga de explosivos no topo da montanha Las Campanas, no norte do Chile, foram iniciados nesta última sexta, 23, os trabalhos de preparação do terreno onde será instalado o Telescópio Gigante Magalhães, informou a Embaixada dos Estados Unidos em Santiago. Às 12h59 locais (mesmo horário de Brasília), destacadas personalidades políticas e científicas do Chile e dos Estados Unidos presenciaram a explosão que simboliza o primeiro passo para o início deste instrumento astronômico que, na próxima década, se transformará na terceira maior lente do mundo. O Telescópio Gigante Magalhães (GMT, na sigla em inglês), que está sendo construído na Universidade do Arizona (EUA), terá 25 metros de diâmetro, com uma área de luz 4,54…

11 estranhas partículas da física

Imagem
Das mais impressionantes pesquisas sobre o universo, nos últimos tempos, quase todas têm participação de alguma partícula ainda não conhecida pela física, teorizada recentente. Até o Modelo Padrão da Física (teoria criada em 1973 que prevê a existência de partículas como o quark, neutrinos e antineutrinos) já está sendo revisado em vários pontos para incluir novas descobertas. Para o estudo de questões físicas complicadas, tais como antimatéria, matéria escura e gravitação, os cientistas estão “criando” novas partículas, em um catálogo de constante atualização. Elas seriam satisfatórias para resolver vários problemas da física moderna, mas infelizmente a existência de nenhuma delas foi comprovada na prática. Conheça onze destas partículas:
11 – Stringbal - lA teoria das cordas prevê que as partículas quânticas, como elétrons e quarks, estão dispostas no universo vibrando como cordas de energia. Esta linha de pensamento, que não vê a partícula como um agente estático sem dimensão, sati…

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...