Postagens

Mostrando postagens de Abril 1, 2014

Philae está acordando

Imagem
"lander"Philae da sonda Rosetta foi reactivado com sucesso a semana passada, como parte da fase em curso de diagnóstico dos instrumentos. Ao contrário da sonda, que teve de acordar e estabelecer contacto com a Terra autonomamente com base num alarme pré-definido, o Philae e todos os instrumentos científicos da missão têm um acordar pessoal a partir da Terra (via Rosetta). O comando para acordar o Philae foi de facto enviado há duas semanas e executado às 06:00 (hora de Portugal) de passado dia 28 de Março, e o sinal de confirmação foi recebido quando o satélite comunicou com a Terra às 11:35 do mesmo dia.
A ousada tentativa do Philae aterrar no cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko está marcada para 11 de Novembro, depois um extenso mapeamento pela sonda em Agosto e Setembro, com o objectivo de escolher um local de pouso adequado. Actualmente não sabemos quase nada sobre a geologia ou actividade do cometa, os quais irão desempenhar papéis decisivos no local de aterragem do Philae.

2012 VP113: O Novo objeto mais distante do Sistema Solar de que Se tem conhecimento

Imagem
Qual o objeto do Sistema Solar, mais distante de que se tem conhecimento? A nova resposta é o 2012 VP113, um objeto que atualmente está a uma distância equivalente ao dobro da distância de Plutão até o Sol. Acima, pode-se ver uma série de imagens que foram usadas para a sua descoberta, feitas com a Dark Energy Camera acoplada ao Telescópio Blanco de 4 metros do NOAO, no Chile em 2012 e lançada na última semana. O objeto distante, visto se movendo na parte inferior esquerda da imagem, acredita-se seja uma planeta anão, como Plutão. Anteriormente, o planeta anão, mais distante conhecido era Sedna, descoberto em 2003. Dado que a parte do céu pesquisada foi ínfima, é provável que existam cerca 1000 objetos como o 2012 VP113 no Sistema Solar externo. O 2012 VP113 está atualmente perto de ponto mais próximo do Sol, em aproximadamente 2000 anos, ele estará mais de cinco vezes mais distante. Alguns cientistas dizem que a razão por que objetos como o Sedna e o 2012 VP113 têm suas órbitas atuai…

Hubble avista cometa que passará por Marte

Imagem
A NASA anunciou Quinta-feira passada uma imagem de um cometa que, no dia 19 de Outubro, passará a 135.000 km de Marte -- menos de metade da distância entre a Terra e a nossa Lua. A imagem da esquerda, capturada a 11 de Março pelo Telescópio Espacial Hubble, mostra o cometa C/2013 A1, também conhecido como Siding Spring, a uma distância de 568 milhões de quilómetros da Terra. O Hubble não consegue ver o núcleo gelado de Siding Spring devido ao seu pequeno tamanho. O núcleo está rodeado por uma nuvem de poeira brilhante, ou cabeleira, que mede mais de 19.000 km em diâmetro.
A imagem da direita mostra o cometa após terem sido aplicadas várias técnicas de processamento para remover o brilho nebuloso da cabeleira, revelando o que parecem ser dois jactos de poeira oriundos da localização do núcleo em direcções opostas. Esta observação permitirá com que os astrónomos meçam a direcção do pólo do núcleo e o eixo de rotação. O Hubble também observou o Siding Spring a 21 de Janeiro, quando a Terr…

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...