Postagens

Mostrando postagens de Agosto 1, 2014

Via Láctea, a galáxia modesta

Imagem
Esta é a última da série “Não há nada de especial em nossas circunstâncias cósmicas”: segundo dois grupos independentes de astrônomos britânicos, nossa galáxia é bem menos pujante do que antes se pensava. Na verdade, ela tem apenas metade da massa de nossa vizinha, Andrômeda.
Andrômeda (na foto), também chamada de M31, tem o dobro da massa da nossa pobre Via Láctea.
Os dois trabalhos, aceitos para publicação no periódico “Monthly Notices of the Royal Astronomical Society”, acabam de uma vez por todas com a discussão sobre quem é a maioral no chamado Grupo Local, conjunto de galáxias próximas à Via Láctea que orbitam em torno de um centro gravitacional comum. E, surpresa!, não somos nós. “Sempre suspeitamos que [a galáxia de] Andrômeda fosse mais massiva que a Via Láctea, mas pesar ambas as galáxias simultaneamente se mostrou um desafio extremo”, disse Jorge Peñarrubia, da Universidade de Edimburgo, na Escócia, líder de um dos trabalhos. Já o estudo paralelo foi conduzido por Jonathan …

Sonda Rosetta mostra que seu cometa alvo possui um núcleo duplo

Por que o núcleo desse cometa tem dois componentes? A surpreendente descoberta que o Cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko tinha um núcleo duplo veio no final da semana passada à medida que a sonda robótica interplanetária Rosetta da ESA continua a se aproximar na direção do antigo núcleo do cometa. Ideias especulativas sobre como o núcleo duplo foi criado inclui, atualmente, que o Cometa Churyumov-Gerasimenki é na verdade o resultado da fusão de dois cometas, que o cometa é uma pilha de rocha separada por forças de marés, que a evaporação do gelo no cometa tem sido assimétrica, ou que o cometa está passando por um tipo de evento explosivo. A imagem acima mostra o incomum núcleo cometário com 5 km de tamanho do cometa que está em rotação no decorrer de poucas horas, com cada frame obtido com 20 minutos de intervalo. Imagens melhores – e talvez teorias mais refinadas – são esperadas à medida que a Rosetta está na rota para entrar na órbita ao redor do núcleo do Cometa Churyumov-Gerasimenko …

8 mistérios galácticos da Via Láctea

Imagem
O espaço está cheio de mistérios. Desde as perguntas que ainda temos que responder acerca de estrelas até aos planetas e luas no nosso próprio sistema solar, há muito para descobrir. No entanto, alguns mistérios estão numa escala ainda maior, e os seguintes são literalmente galácticos.
8. Local de nascimento do Sol
Estrelas como o Sol nascem em grupos com outras estrelas semelhantes. Estes irmãos estelares formam-se a partir da mesma nuvem de gás, e por isso têm a mesma composição química. No entanto, nós examinamos 100.000 estrelas num raio de 325 anos-luz da Terra e encontrou apenas duas que são semelhantes ao Sol. O nosso sol está sozinho, o que significa que foi expulso ou abandonou o seu conjunto há 4,5 bilhões de anos. O melhor candidato para o seu lugar de nascimento é Messier 67, um aglomerado na constelação de Câncer a cerca de 2.900 anos-luz de distância. As estrelas lá têm uma idade, temperatura e química semelhante ao Sol.
No entanto, os astrofísicos da Universidade Nacional …

Astrônomos explicam formação de família esquisita de asteroides

Imagem
Eufrosina O caráter atípico da família de asteroides de Eufrosina - uma das várias situadas entre os planetas Marte e Júpiter, que durante anos intrigou os astrônomos - acaba de ser explicado pela equipe liderada por Valério Carruba, professor da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Guaratinguetá. A descoberta do primeiro asteroide com anéis contou com participação de 11 astrônomos brasileiros.[Imagem: Cortesia sunflowerscosmos.com] A peculiaridade dessa família, composta por mais de 2,5 mil objetos, vem do fato de que - exceto pelo asteroide principal, Eufrosina, que dá nome ao grupo - ela tem poucos asteroides grandes ou médios, com diâmetros entre 8 e 12 quilômetros. O Eufrosina concentra 99% da massa da família. Os demais objetos são muito pequenos. Alguns asteroides do cinturão principal - entre as órbitas de Marte e Júpiter - são agrupados em famílias, cada uma das quais supostamente originada a partir de um corpo progenitor, fragmentado após colisões com outros corpos. Mas a…

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...