NGC 5949 – Pequena mas significativa

A imagem acima feita pelo Telescópio Espacial Hubble, mostra a galáxia anã conhecida como NGC 5949. Graças a sua proximidade com a Terra, ela está a uma distância de cerca de 44 milhões de anos-luz de nós, a coloca dentro da vizinhança da Via Láctea, e faz com que a NGC 5949 seja um alvo perfeito para os astrônomos estudarem as galáxias anãs.
Com uma massa equivalente a um centésimo da massa da Via Láctea, a NGC 5949 é um exemplo completo de uma galáxia anã. Sua classificação como anã vem do seu relativo baixo número de estrelas, mas seus braços espirais a classificam também como uma espiral barrada. Essa estrutura é visível nessa imagem, que mostra a galáxia como um redemoinho bem definido. Apesar de suas pequenas proporções, o fato da NGC 5949 estar relativamente próxima, faz com que sua luz possa ser captada por telescópios relativamente pequenos, e isso facilitou ela ter sido descoberta por William Herschel em 1801.
Os astrônomos quando encontram uma galáxia anã como a NGC 5949 conseguem rodar alguns modelos cosmológicos. Por exemplo, a distribuição de matéria escura dentro das anãs é um mistério, e uma anã próxima assim pode ser usada de forma conclusiva para resolver o chamado problema “cuspy halo”. Outro fato importante é que os modelos cosmológicos predizem que deveria haver muito mais anãs ao nosso redor do que existe na realidade, esse é o problema chamado “missing satélites”, e uma galáxia anã próxima assim também ajuda a resolver esse problema.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Tipos de Estrelas

Galéria de Imagens - Os 8 planetas de nosso Sistema Solar

Nova Classificação do Sistema Solar

Como surgiu o primeiro átomo?

Os satélites naturais do Sistema Solar

Johannes Kepler

Veja os 10 maiores mistérios das estrelas

Isaac Newton