Postagens

Mostrando postagens de Março 3, 2017

Armadilha de poeira espontâneas: Astrônomos descobrem elo perdido na formação planetária

Imagem
Uma imagem de um disco protoplanetário, obtida usando resultados de um novo modelo, após a formação de armadilhas de poeira espontâneas, visível como um brilhante anel de poeira. O gás tem tons de azul e a poeira de vermelho. Crédito: Jean-François Gonzalez
Pensa-se que os planetas se formam nos discos de gás e poeira encontrados em redor de estrelas jovens. Mas os astrónomos têm lutado para montar uma teoria completa da sua origem e que explica como é que a poeira inicial se desenvolve em sistemas planetários. Uma equipa francesa, britânica e australiana pensa que tem agora a resposta. As suas simulações mostram a formação de "armadilhas de poeira" onde fragmentos do tamanho de seixos se reúnem e aglomeram, para dar origem aos blocos de construção dos planetas. Publicaram os seus resultados na revista Monthly Notices of the Royal Astronomical Society.
O nosso Sistema Solar (e outros sistemas planetários) começou com discos de gás e grãos de poeira em redor de uma estrela jove…

Encontradas as primeiras galáxias que deram luz ao universo

Imagem
Uma nova técnica que remove a luz de conjuntos de galáxias em primeiro plano ofereceu aos astrônomos um olhar direto sobre uma geração de galáxias antigas que remonta aos primeiros anos do universo. A descoberta é considerada uma peça-chave para entender um período de tempo crítico do universo, quando ele passou de ser escuro para irradiar luz.  Nova técnicaOs cientistas teorizam que a energia da primeira geração de galáxias transformou o universo escuro e eletricamente neutro em plasma ionizado e radiante. Mas essas galáxias são fracas e nada fáceis de encontrar.  O que não impediu a astrônoma Rachael Livermore, da Universidade do Texas, nos EUA, e seus colegas de identificar algumas delas, graças a uma nova técnica que combina imagens de campo profundo do Telescópio Espacial Hubble com o que é conhecido como “decomposição wavelet ou onduleta”. Esse tipo de decomposição é como um fone de ouvido que cancela ruído, mas com a luz. Usando a tecnologia, os pesquisadores removeram computaciona…

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...